Está precisando organizar a sua casa? Que tal organizar e ainda trazer boas energias ao ambiente? O Feng Shui promete ajudar nesses dois aspectos.

A famosa técnica, criada por mestres chineses há quase 4 mil anos, estudava os lugares mais harmônicos para plantar e morar. Os efeitos positivos fizeram com que o Feng Shui fosse repassado de geração para geração, até que chegou aqui no Ocidente.

A palavra significa “vento e água”, e seu conceito é que em um ambiente existem vibrações positivas e negativas e é possível direcionar as boas e afastar as ruins ao seu redor.

Como usar o Feng Shui em casa?

O primeiro passo é conhecer o baguá, que seria o mapa dos centros de energias. Ele é em formato de um octógono, e nele estão concentrados os 8 elementos que influenciam sua vida: sucesso, relacionamento, criatividade, amigos, trabalho, espiritualidade, família e prosperidade.

A técnica consiste em arrumar objetos e móveis da casa para que o chi, a energia, consiga circular livremente, trazendo harmonia ao lugar.

Os móveis de comando, que são os mais importantes do local, têm que estar no centro e nunca de costas para a porta. No caso do quarto, por exemplo, a cama não pode ficar em frente à entrada.

 

Para melhorar a área do trabalho, as plantas podem ser ótimas para a boa circulação de energia. Na entrada da casa, coloque-as no lado esquerdo, e as espécies mais recomendadas são espada-de-são-jorge e bambu.

 

E se é prosperidade o que você procura, a água corrente, seja na forma de um aquário ou uma fonte, é uma ótima alternativa. Objetos ovais e de madeira são também muito bem-vindos.

Compartilhar